domingo, 27 de dezembro de 2015

Boas maneiras, se faz favor

Oiço muita coisa na rua, mas ultimamente parece que o 'obrigado' tem andado escondido. Essa necessidade desapareceu. Sorte a nossa. Menos uma na nossa grande lista de tarefas diárias. Em substituição saem tantas outras menos agradáveis.

Raras exceções, são aquelas que ainda usam as boas maneiras. Mas afinal o que é isto das 'boas maneiras'? É simples. São aqueles pequenos atos e palavras gentis que, parecendo que não, fazem toda a diferença.
Assim como os animais, as boas maneiras têm de ser ensinadas desde que somos pequenos e têm ainda de ser praticadas todos os dias.

Infelizmente, ao contrário de tudo hoje em dia, as boas maneiras ainda não se compram. Quem sabe um dia, talvez já se encontre à venda pequenos potes individuais com as doses corretas e adequadas a cada situação.

Recuso-me a pensar que, palavras tão pequenas e fáceis de usar, vão ficar esquecidas!
Se andamos sempre munidos de telemóveis e outras tecnologias, porque não guardar estas palavras e distribui-las ao longo do dia?! Pensem nisso da próxima vez que saírem à rua.