quarta-feira, 12 de agosto de 2015

Ao Meu Futuro Marido

Olá, amor. Neste momento, ao escrever esta carta, ainda não te encontrei, e ainda sou nova para casar, mas tenho uma ideia de como quero que seja o meu futuro. Esta carta serve para te informar dos meus planos e dar-me um pouco a conhecer, para que não tenhas surpresas.

Então é assim: Eu adoro sinceridade, prefiro ouvir verdades duras do que mentiras apaziguadoras, gosto de saber com o que conto. Sou muito envergonhada, mas adoro quando me sinto a corar por ser elogiada ou surpreendida, apesar de também adorar surpreender.Tenho a avisar que sou muito persistente e teimosa, muitas vezes mesmo sabendo que não tenho razão.



Quanto a planos: Quero ter pelo menos dois filhos(não gosto de filhos únicos), gostava muito de poder ter um cão(nunca tive nenhum, mas tenho uma grande paixão por cães),não quero ter que ir viver para o estrangeiro(dependendo das circunstancias) e acima de tudo quero sempre saber que posso contar contigo sempre que precise.

Sou capaz de estar a pedir muito, mas garanto-te que vou facilitar-te a vida e que vais sempre poder contar comigo para tudo o que precisares.

Beijos, amo-te.