quinta-feira, 3 de novembro de 2016

Escrever Direito por Linhas Tortas - Os Perigos da Internet



Achas que estás seguro? 

Cada vez se vê mais jovens a começarem as suas vidas nas redes sociais, que infelizmente, pensam que é tudo normal pois está na moda, toda as pessoas usam e com ou sem moderação os jovens não têm dois dedos de testa para pensarem no que fazem.

Os adolescentes de hoje em dia, pensam que é tudo tão natural, tudo tão banal e publicam coisas sem terem a noção dos perigos.

Como por exemplo, partilharem onde andam, onde moram, onde vão, com quem vão, todas essas informações relevantes para os malucos que estão de fora a tomar atenção e quem sabe não corre mal.

Acho que, os jovens poderiam usar as redes sociais mas com moderação, com o acompanhamento dos pais, com a partilha mas confidencialmente, tudo que seja feito de forma segura, mas não é assim que se passa.

Pois mesmo que os pais quisessem acompanhar, os filhos são demasiado rebeldes para quererem saber do que os pais pensam ou deixam de pensar. Mas se formos a pensar bem, até os pais são uns agarrados às redes sociais.

Somos todos uns obcecados pelas redes sociais, pela Internet, pelas partilhas indecentes que existem!Eu nunca fui adepta de partilhar fotografias em bikini, nem pela minha estrutura corporal que não é grande coisa, mas porque acho que não faz sentido essas partilhas com tantos tarados que aí andam.

Cuidado, é o que todos nós devíamos  ter. E é coisa que não acontece.Vejo muita gente a partilhar fotos provocadoras, fotos de exibição, fotos inocentes mas que chamam   á atenção de certa forma. E isso não é nada bom, não com os malucos que andam aí.

É como as jovens que pensam em conhecer rapazes pela Internet, são enganadas com uma pinta que nem vos digo “Ai eu sou alto, moreno, olhos verdes”, agarra numa foto do Google e a miúda como não procura na net, apaixona-se logo pela imagem que o rapaz lhe manda, e quando marcam encontro, o que é que acontece? Nem sequer quero pensar nisso…

Acho que devíamos ter um certo controlo e não sentirmos tanta necessidade de partilhar toda a nossa vida nas redes sociais, todos as nossas fotos nus, vestidos, de bikini, de decote, de calças abaixo do rabo!

Eu quando tiver um filho, um dia, umas das coisas que eu não lhe vou dar em pequeno são telemóveis ou tablets para as mãos dele, e aliás isso está comprovado que faz mal ao desenvolvimento da criança. Mas se os pais já começam a dar-lhes essas coisas em pequenos, é normal que, quando cresçam, sejam uns agarrados a essas tecnologias.

Portanto era muito bom que existisse moderação nas redes sociais, que existisse mais juízo, mais maturidade, pois se calhar, poupava-se muita tristeza, muita desgraça e dor.


Mas isto é só a minha opinião, até posso estar errada e a exagerar para uns, mas de certeza que existem outros que concordam comigo.

Sofia Tudela